Programa de Acção

O Programa de Acção Torres ao Centro – Regeneração Urbana no Centro Histórico de Torres Vedras surge na sequência da candidatura de Torres Vedras ao instrumento de política Polis XXI “Parcerias para a Regeneração Urbana”, do Programa Operacional Regional do Centro "Mais Centro".

Torres ao Centro aposta em novas formas de governação urbana, assentes no estabelecimento de consensos e parcerias, tendo a Câmara Municipal de Torres Vedras estabelecido um Protocolo de Parceria Local com seis parceiros de reconhecida importância no Centro Histórico e na Cidade.

Pretende-se transformar o Centro Histórico de Torres Vedras num espaço urbano de referência, altamente qualificado do ponto de vista urbanístico e ambiental e atractivo do ponto de vista social, económico e cultural.

Esta visão, que vai de encontro à estratégia integrada de intervenção, consubstancia-se em 15 projectos agrupados por quatro dimensões:

Dimensão Urbana: Reabilitação dos Largos de São Pedro e Wellington; Reabilitação do Largo Infante Dom Henrique; Reabilitação de Arruamentos; Internet por Wi-Fi no Espaço Público; Mini-Bus Eléctrico no Centro Histórico.

Dimensão Económica: Mercado Municipal; Invernadeiro.

Dimensão Social: Pro Centro; SPA do Castelo; Espaço Convida; Porta-a-Porta.

Dimensão Cultural: Câmara Escura; Espaço Transforma; Festival Internacional de Artes no Espaço Público; Fórum Cultural.

O Programa de Acção Torres ao Centro representa um investimento total elegível para efeitos de financiamento de 9.017.342,44 €, com uma comparticipação do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) de 5.999.539,71 €.